1 ano. 12 meses. 365 dias.

Nós, os geólogos, passamos o tempo a contar o tempo. Ainda que seja um tempo que já não é do nosso tempo.

Sem qualquer desprimor pela tabela cronostratigráfica, faltava-nos outra forma de contar o tempo: o APG 365, um calendário feito por geólogos, com geólogos, para geólogos (e não só!). Uma celebração da geologia e dos geólogos portugueses. Com o APG 365 pretendemos partir três pedras com uma martelada só: dar a conhecer as caras (e as vidas) por trás da profissão de geólogo em Portugal, assinalar as datas marcantes para a comunidade geológica e apoiar futuras iniciativas da APG junto dos estudantes de geologia. Como ano cobaia que é, ainda temos de desgastar a talisca deste 2022 para anunciar que lâmina mais ou menos delgada poderá daqui sair. Mas gostávamos muito de poder dinamizar atividades para os alunos universitários de todo o país e dar continuidade ao projeto nos próximos anos. Ir construindo um portefólio das pessoas que fazem parte da comunidade geológica portuguesa. E para evitar a escassez de matérias-primas, pois estamos todos conscientes de quão pequena é a comunidade geológica em Portugal, esperamos com esta iniciativa entusiasmar os jovens com os percursos de vida, os percalços e as conquistas dos nossos convidados, descobrir que não importa o rejeito, haverá sempre muito que nos une.

Durante o ano de 2021, as mentoras do projeto foram ao encontro destes 12 geólogos para ouvir e registar as histórias geológicas pessoais de cada. No início de cada mês de 2022, será disponibilizada a entrevista respetiva. Sim, se há coisa que os geólogos sabem fazer é esperar, porque nem todos os fenómenos geológicos são repentinos. Na verdade, a maioria é tão lenta que só nós, os geólogos, nos apercebemos. 

O nosso muito obrigado aos que deram a cara pela iniciativa e aos que a tornaram possível. Que 2022 seja granocrescente para todos!



Geodatas

Sim, já sabemos que um milhar de anos mais, ou um milhão menos, não fazem diferença. Mas ainda assim, não queremos deixar passar em branco datas de relevância para os amantes da Terra. Mais geológico que este calendário...só mesmo a tabela cronostratigráfica.

Entrevistas pessoais

Será que os nossos geólogos sempre quiseram ser geólogos?  Descubra quem diz crosta e quem diz crusta e que, afinal, os dinossauros não são o grupo favorito dos nossos profissionais. Todos os meses publicaremos uma entrevista transcrita e um excerto em vídeo.

Geocusquices

Sabia que o levantamento geológico do país começou pela Península de Setúbal em outubro de 1857? Ainda bem... tivesse começado no Maciço de Morais e talvez tivessem desistido. Descubra esta e outras curiosidades, mês a mês, no calendário mais geológico de Portugal.

Geoinfluencers

Desde livros, a cartas geológicas e até afloramentos e unidades litostratigráficas, fique a conhecer as sugestões dos nossos geólogos.